quinta-feira, 19 de fevereiro de 2015

Book 2 Movie: O Lado Bom da Vida


Primeira resenha Book 2 Movie de 2015, apesar de ser um livro que comprei e comecei a ler ano passado. Só consegui fazer 3 resenhas B2M em 2014, o que é uma vergonha, mas como já expliquei na minha última postagem do ano, tive um 2014 em cheio com casamento, último ano da faculdade, concurso público. Enfim, esse ano quero compensar e, pelo menos, triplicar este número.

Nas primeiras páginas de O Lado Bom da Vida conhecemos Pat Peoples, que está prestes a sair do "lugar ruim" depois de alguns meses internado lá. Pat é um cara com pouco mais de 30 anos que deseja com todas as suas forças voltar com a sua esposa, Nikki, e acabar de uma vez por todas com o "tempo separados". Para isso, ele vai praticar ser gentil com as pessoas e ler os livros que sua esposa gosta, para impressioná-la. Só que por enquanto volta para casa de seus pais, onde percebe que não há mais nenhum retrato de seu casamento, sua mãe é sempre super protetora com ele, seus amigos e irmão estão cada vez mais evasivos sobre os últimos meses e seu pai se recusa a falar com ele. 

A trama acontece sob o ponto de vista de Pat, então podemos acompanhar todos os seus pensamentos, desde os momentos em que ele pratica exercícios incessantemente no porão de sua casa até quando ele vai às consultas com o Dr. Patel, o seu simpático novo terapeuta que tem duas poltronas em seu consultório, uma preta e uma marrom, e Pat decide em qual das duas se sentará dependendo do seu humor do dia. Tudo ocorre bem, desde que Kenny G não comece a tocar perto de Pat.

Poucos dias depois de sair do lugar ruim Pai reencontra Tiffany, cunhada de seu amigo Ronnie, que se tornará sua companheira de corridas e será outro personagem muito importante para a trama. 

Confesso que do começo da leitura até pouco mais da metade do livro foi tudo meio "arrastado". Primeiro porque o livro tem páginas (e capítulos) inteiros que descrevem o cotidiano dos fanáticos por futebol americano e, como sou uma leiga nesse assunto, achei um pouco maçante essas partes. Segundo foi fato de Pat ser um personagem muito repetitivo e cheio de lacunas em sua mente. Porém essas falhas na memória dele eram o que me motivavam a continuar lendo o livro, para entender o porquê dele ter sido internado numa clínica, o que causou a sua separação e qual o motivo do seu pai ignorá-lo durante muitos momentos.

Não foi uma das melhores leituras da minha vida, mas é um livro que te prende bastante, uma vez que você vai querer saber qual será o desfecho daqueles personagens tão sofridos e porque Pat sabe ser bem cativante com todo aquele ar ingênuo, que ele adquiriu ao deixar o lugar ruim. É um livro que se aproxima do real, sem personagens perfeitos demais, que te faz torcer para um final feliz. O melhor é que paguei R$ 13,00 pelo livro com o frete incluso, numa dessas promoções da Saraiva.

Assim que acabei minha leitura, assisti ao filme para não me esquecer de muitos detalhes da obra e fiquei decepcionada. Sabem aqueles filmes que mudam muitos detalhes do livro, até mesmo o nome de personagens e descaracterizam bastante a trama literária? É um filme muito bom, sim, quando você não fica apegado aos detalhes do livro. Acho que como as últimas adaptações que assisti foram bastante fiéis às obras, criei muita expectativa em cima da adaptação de O Lado Bom da Vida. Mas não foi ruim de todo, Jennifer Lawrence teve uma atuação brilhante, fez jus ao Oscar de melhor atriz.

E vocês, já leram ou assistiram O Lado Bom da Vida? O que acharam? Espero que tenham gostado da resenha e que desperte o interesse de vocês pela leitura deste livro. Até o próximo B2M!

Beijinhos! <3





Dados do Livro

Título Original: The Silver Linings Playbook
Título no Brasil: O Lado Bom da Vida
Autor: Matthew Quick
Tradução por: Alexandre Raposo
Páginas: 254
Editora: Intrínseca
Ano de publicação: 2012


Um comentário:

  1. Senti isso com Divergente hahahaha li o livro e até gostei, é uma saga adolescente demais, mas é bom pra passar o tempo e bem envolvente, fiquei curiosíssima pra ver o filme, até pq eu adoooro a atriz q fez a Tris, mas nao gostei, decepção total, mudaram tudo e mais um pouco :(

    vou atras desse livro, me interessei!

    beeeijos!!!!
    www.klaryan.com

    ResponderExcluir